• a-fazenda 10-Anos-mais-jovem A-Grande-Família Altas-horas A-Praça-é-nossa A-Turma-do-Didi Bela,-a-feia Big-Brother-Brasil Caldeirão-do-Huck Caminho-das-indias Casos-de-Família Casseta-e-Planeta Chamas-da-Vida Domingo-Espetacular Domingo-legal Esquadrao-da-moda Fantástico Globo-reporter Hebe Jogo-Duro Mais-Você Malhação No-Limite Programa-do-faustão Caras-e-Bocas Olha-Você Os-Mutantes Pânico-na-TV Paraíso Poder-Paralelo Programa-do-JÔ Programa-do-Ratinho Programa-Silvio-Santos Promessas-de-Amor Revelação Senhora-do-Destino Show-da-Gente Show-do-Milhão Só-Falta-Esposa SuperPop Toma-Lá-Dá-Cá Tudo-Novo-de-Novo TV-Globinho Vende-se-um-Véu-de-Noiva Video-Show Zorra-Total

Desembargador nega liberdade para Zina

Após ser detido, no último dia 16, com um revólver com numeração adulterada em sua residência, Marcos da Silva Herédia, o Zina do Pânico na TV!, continuará preso.

De acordo com o desembargador Miguel Marques e Silva, Zina continuará detido, pois “as circunstâncias de fato e de direito deduzidas na presente impetração não autorizam a concessão da liminar alvitrada”.

Para tentar mais uma vez a liberdade do ex-guardador de carros, a RedeTV! deve fazer um novo pedido. Desta vez, para julgar o mérito que será julgado na câmara onde, além do desembargador Miguel Marques e Silva, outros dois desembargadores farão parte do júri que poderá conceder o habeas corpus pedido pelos advogados da emissora.

Depois de prisão, Zina é convidado a fazer presença vip em festa

zina

Marcos da Silva Herédia, o Zina do programa Pânico na TV, volta a aparecer em público depois da prisão ocorrida dia 28 passado.

Acusado de porte ilegal de entorpecentes, ele havia sumido das baladas, se afastado das gravações do programa e assumido um comportamento mais cauteloso depois da passagem pela polícia.

Porém, segundo a coluna Zapping, do jornal Agora São Paulo, ele é esperado na matinê desse domingo, na balada Cabral, no bairro do Tatuapé, zona norte de São Paulo.

Conforme noticiou o jornal o rapaz é convidado da casa para posar de celebridade, onde se espera que atenda ao público para tirar fotos e falar frases como “brilha muito no Corinthians”.

Danilo Gentili passa por apuros no interior de São Paulo

danilo-gentilli-preso

O repórter do CQC Danilo Gentili passou por apuros na cidade de Assis, no interior de São Paulo. De acordo com o post do comediante no Twitter, ele foi algemado enquanto fazia uma matéria para o programa na cidade, e foi levado para a delegacia, onde passou quatro horas.

A confusão começou depois que Gentili se negou a colocar a mão na cabeça, quando foi abordado por policiais. O repórter estava vestido de mendigo e fazia uma matéria sobre a “tolerância zero” que os policiais da cidade tinham com os mendigos e marginais.

Segundo o site da revista Contigo, o comediante foi levado à delegacia sob a acusação de “perturbação do sossego”.

“Zina continua com a gente”, diz diretor do “Pânico na TV”

zina-sabrina-alfinete

Zina faz matérias com Sabrina e Alfinete no "Panico na TV"

Com o escândalo da prisão por porte de drogas, muita gente apostava que Zina seria excluído do elenco do “Pânico na TV”. Porém, em seu Twitter, Alan Rapp, o diretor do programa, garantiu que o corintiano vai permanecer no ar. “O Zina continua com a gente. Quem disser o contrario, ou está mentindo ou não sabe de nada”, escreveu.

Marcos da Silva Herédia, o Zina, foi detido na madrugada desta quarta, 28, portando cocaína. Encaminhado para a delegacia, ele foi autuado como usuário de drogas.

Zina ficou conhecido pelo bordão “Ronaldo, brilha muito no Corinthians” quando foi entrevistado na frente do Estádio do Pacaembu pela turma do “Pânico na TV”. Em setembro, o rapaz foi convidado a fazer parte do elenco do humorístico.

Diretor do Pânico resgata Zina na delegacia

zina-prisão

Depois de passar quase seis horas detido para averiguação no 74º DP, no bairro de Parada de Taipas, em São Paulo, Marcos da Silva Heredia, o Zina, foi liberado por volta das 14h de hoje.

O integrante do Pânico na TV da RedeTV!, que foi flagrado portando cocaína, saiu da delegacia coberto por uma jaqueta e conduzido por Alan Rapp, diretor da atração. Alan foi buscar o ex-guardador de carros com um motorista da RedeTV!.

De acordo com o portal Terra, Zina atraiu alguns fãs e curiosos para a porta da delegacia. Todos queriam chegar mais perto do morador da Xurupita, que é torcedor doente do Corinthians e fã do craque Ronaldo.

Zina, integrante do Pânico na TV!, é preso por suspeita de porte drogas

zina-panico

O integrante do programa de humor Pânico na TV, da RedeTV!, Zina foi preso na madrugada desta quarta-feira (28) na zona oeste de SP.

Segundo informações da Polícia Militar, ele foi detido após denúncia de que um homem caminhava armado pela rua Capela da Lagoa, no bairro Panamericano.

Ao chegar até o suspeito, PMs descobriram que ele era o integrante do programa de humor e que portava cocaína. Não foi informado se ele estava armado no momento da detenção. Zina resistiu à prisão e está detido na 74º DP, no Jaraguá. O fato ocorreu por volta das 7h.

Pela primeira vez, Marcello Antony fala sobre sua prisão em 2004

marcelo

Marcello Antony concedeu  entrevista ao jornal Extra, na qual desabafou que faz de tudo para fugir do assédio da imprensa. O ator que estreia nessa semana a peça Vestido de noiva com Leandra Leal e Vera Zimmermann, disse que o bairro do Leblon, onde a maioria das celebridades se concentram, morreu para ele por causa dos paparazzi. “Há meses que não vou lá”, completa.

Antony mais do que ninguém sabe o que é ter uma particularidade sua exposta publicamente. Em 2004, foi preso em Porto Alegre acusado de porte ilegal de drogas. Foi um pulo imediato das colunas de celebridades para o noticiário das páginas policiais. “Como não me manifestei na época, deixei que as pessoas pensassem o que quisessem.”

O ator contou ainda o quanto foi difícil acompanhar toda a repercussão do caso na mídia: “foi duro ser mencionado durante uma semana no Jornal Nacional, em que faziam questão de enfatizar a palavra maconha. Mas foi bom porque eu cresci. Estava no fundo do poço, não tinha para onde ir. O chão onde estava me serviu como mola para eu ir lá para cima e ver tudo com clareza.”

Caminho’: Yvone tem bom comportamento na cadeia e é elogiada

yvone2

A próxima vítima a ser seduzida por Yvone (Letícia Sabatella) será o carcereiro(Duda Riberiro) da prisão onde a vilã está presa. O rapaz, impressionado pelo bom comportamento dela, vai elogiá-la em entrevista, em Caminho das Índias, nesta quarta-feira (9).

“Ela é muito quieta, fala pouco. É do trabalho para a Bíblia e da Bíblia para o trabalho”, afirma o carcereiro, já seduzido pela falsa médica.

“A falta de sorte da minha vida foi não ter encontrado um homem como você”, diz Yvone para ele. Resta saber se a vilã conseguirá ter sucesso em um novo golpe.

“Caminho das Índias”: Yvone foge da prisão com a ajuda do carcereiro

yvone

Atrás das grades, Yvone (Letícia Sabatella) vai surpreender pelo bom comportamento. A ponto de o carcereiro acreditar que cometeram uma injustiça com a coitadinha. O fato é que o funcionário do presídio ficará encantado com o ar de pobre moça da psicopata, que aproveita para flertar com ele.

Durante uma entrevista na penitenciária sobre as detentas, o carcereiro dá a seguinte declaração a respeito de Yvone: “Pessoa humilde, não reclama de nada, trata todo mundo bem. É do trabalho pra Bíblia, da Bíblia pro trabalho”. Depois, a vilã diz ao carcereiro: “A falta de sorte da minha vida foi não ter encontrado um homem que nem você. Amei muito e amei o homem errado! Por isso é que eu tô aqui!”.

Seduzido, o funcionário permite que Yvone saia com as outras presas para visitar as mães. Ele combina de dar a ela duas horas para ficar fora. Mas, esperta, a psicopata sai da prisão e não volta nunca mais.

Filho de astro pode pegar perpétua

ghosts of girlfriends past 280409          

Pode ser condenado a dez anos ou até a prisão perpétua pelas acusações de porte e venda da anfetamina conhecida popularmente como “crystal meth” ou “ice”, fumada em cachimbos,  o filho do ator Michael Douglas, Cameron, de 30 anos, preso desde o dia 28 de julho.  Cameron teria recebido grande quantidade dessa substância na Califórnia e, em seguida, enivado para Nova York, por Fedex, entre 2006 e 2009. Ele já havia sido preso e indiciado por porte de cocaína em 2007, em Santa Barbara, na Califórnia.